Quando as Pessoas se Acham Evoluídas Demais e isso Atrapalha seus Autoconhecimentos

Por: Ricardo Chioro

Existem pessoas que colocam para si mesmos que são muito evoluídas, e lidam mal com isso, pois tem conceitos de como a pessoa muito evoluída é, e começam a negar para si as características que alguém que não é muito evoluído tem, acabando não olhando para si mesmos, não trazendo o conhecimento verdadeiro sobre si mesmo.

Todo o conhecimento que a pessoa nega e não percebe vai para o subconsciente, ou inconsciente, que são regiões da mente que não temos consciência, e se esse conteúdo for muito podem causar sintomas desagradáveis.

É muito importante dizermos que, quase sempre nesses casos as pessoas tem um conhecimento errado sobre o que é, e como age uma pessoa muito evoluída, porque entendermos a mente e o emocional é muito complexo.

As vezes a pessoa vê uma frase, ou alguma coisa que diz sobre algo elevado e leva quilo para a radicalidade.

Numa frase, em um dizer não está à verdade absoluta, existem entretantos, poréns, situações em que a frase funciona e outras que não.

Muitas vezes a pessoa viola as suas necessidades e seu bem estar para fazer o que ela entende que uma pessoa de grande nível de espiritualidade faria, com conceitos radicais sobre a vida.

Por exemplo: é a pessoa achar que um ser muito adiantado larga os bens materiais e vive na pobreza, as vezes sem casa e etc.

Quem faz isso gosta do conforto de sua casa, de assistir TV, comer comida gostosa, mexer no computador, e abre mão de tudo isso para se achar mais adiantado, e muitas vezes negando seu gosto.

Cada pessoa tem o seu conceito do que é elevado, e se sacrifica por ele, neste caso que estamos falando no texto.

O exemplo que demos é de algo muito grande, enorme, mas acontecem menores, por exemplo, a pessoa abdicar do sexo.

Abdicar do sexo também não é uma coisa pequena, mas quem faz isso começa com coisas pequenas, depois vai aumentando.

Temos duas boas noticias para te dar, uma é que pessoas que estão com o problema que abordamos no site geralmente são pessoas que gostariam de ser elevadas, valorizam muito a espiritualidade, então são pessoas que provavelmente tem espiritualidade e gostam da luz.

A segunda é que esteja à pessoa no nível espiritual que estiver pode atingir a iluminação, o nirvana, a ascensão, porem para isso tem que deixar de agir como estamos descrevendo neste texto.

É importante entender que esse se achar muito evoluído da forma como descrevemos neste texto é vaidade e ou orgulho, porque as pessoas não sabem o nível espiritual que estão, essa é uma informação que não temos, então essa visão é algo que é criada, não que a pessoa não possa ser, pode ser, mas não da para saber.

Não devemos fazer o contrario, que é nos acharmos pouco evoluídos, é saber que a informação de nosso progreço não temos.

Esse orgulho e vaidade acaba atingindo os pensamentos de quando a pessoa busca a evolução, e também na religião ou crença, e quando lidamos com o ego com essas coisas não conseguimos a evolução que elas trazem.

Orgulho e vaidade são coisas do ego.

Saber disso pode ser chocante para algumas pessoas, mas até mesmo os Iluminados, Mestres Ascensos são passiveis da influencia do ego, por exemplo:

Chico Xavier usava peruca, tinha vaidade.

É necessário aceitar a própria vaidade e orgulho para mudar, e nunca, jamais alimentar essas características, neste sentido que estamos falando.

A medida que não alimenta, ela vai acabando, mas se alimentar por uma única vez, volta.

Nós sabemos que o que estamos escrevendo pode desagradar algumas pessoas, pedimos desculpas, mas o que estamos colocando aqui é para ajudar, para trazer evolução e também ajudar no caminho para a felicidade.

E tornar a vida mais leve.

É importante as pessoas buscarem a evolução, e não fazer o que acham que uma pessoa muito evoluída faria.

Fazer o que uma pessoa evoluída faria não traz autoconhecimento.

Veja nossa seção: Textos para se Iluminar e o texto Como Desenvolver o Autoconhecimento.

É importante as pessoas se valorizarem, sem a influencia do ego.

Quando a pessoa pensa: eu sou uma boa pessoa, eu tenho espiritualidade.

Isso não tem a influencia do ego.

Agora, quando a pessoa fica fazendo coisas para mostrar, ou provar que é evoluída, para si ou para os outros já tem a influencia do ego.

Quando a pessoa pensa: Eu sou evoluída, melhor que fulano de tal.

Também tem a influencia do ego, temos que nos valorizar, sem fazermos comparações.