Jesus fala sobre o Karma na Bíblia

Por: Ricardo Chioro

Muitas vezes quando escutava os espíritas falando de karma citavam uma frase de Jesus, que dizia que colhemos o que plantamos.

Essa é uma frase importante, pois nos remete a responsabilidade de não fazermos o mal para não colhermos o mal, mas achava que ela poderia ser compreendida de outras formas, até mesmo para o sentido mundano, por exemplo: trabalharmos para colhermos o salário no fim do mês, ou guardarmos dinheiro para colher o fruto de comprar uma casa um dia e etc.

Não que trabalhar para ter um salário ou guardar dinheiro para comprar uma casa seja materialismo, nada disso, é que são coisas do mundo material, mas que precisamos para sobreviver.

Vi um trecho bíblico que descreve muito bem o que é o karma, as descrições são muito precisas com o que aprendi nas crenças reencarnacionistas.

A Bíblia escreve muito por parábolas, mas esse trecho que vou colocar expressa um discurso de forma bem literal.

O trecho da Bíblia, do evangelho de Lucas é este:

Amai, pois, a vossos inimigos, e fazei bem, e emprestai, sem nada esperardes, e será grande o vosso galardão, e sereis filhos do Altíssimo; porque ele é benigno até para com os ingratos e maus.

Sede, pois, misericordiosos, como também vosso Pai é misericordioso.

Não julgueis, e não sereis julgados; não condeneis, e não sereis condenados; soltai, e soltar-vos-ão.

Dai, e ser-vos-á dado; boa medida, recalcada, sacudida e transbordando, vos deitarão no vosso regaço; porque com a mesma medida com que medirdes também vos medirão de novo.

Lucas 6:35-38

Karma são as ações que voltam para nós mesmos, tudo o que fazemos volta, todo bem que praticamos ou mal volta.

Claro que Jesus não usou o termo karma, mas explicou perfeitamente o que ele é.

É a mesma coisa os hindus chamam Deus de Gita, os árabes de Alah, os índios de Tupã, mas tanto o Misticismo quando o Espiritismo diz que se trata da mesma coisa: O Criador de tudo.

Assim mesmo não chamando a lei de ação e reação de karma, a descrevem perfeitamente como ela é.

Outro trecho Bíblico que Jesus aborda ação e reação, desta vez do Evangelho de Matheus é:

Não julgueis, para que não sejais julgados.

Porque com o juízo com que julgardes sereis julgados, e com a medida com que tiverdes medido vos hão de medir a vós.

Mateus 7:1-2

Ou ainda em mais outro trecho:

Bem-aventurados os misericordiosos, pois obterão misericórdia.

Mateus 5: 7

Eu não conheço a Bíblia direito, mas talvez tenham mais trechos falando de ações que voltam.

Ainda no Catolicismo, na oração de São Francisco existe um trecho igual, veja:

Ó Mestre, Fazei que eu procure mais
Consolar, que ser consolado;
compreender, que ser compreendido;
amar, que ser amado.
Pois é dando que se recebe,
é perdoando que se é perdoado,
e é morrendo que se vive para a vida eterna.