A Inquisição e a Religião Católica

Por: Ricardo Chioro – Riath

(Inspirado e Intuído pelos Mestres Ascensos)

No período da inquisição a igreja católica em 1250 DC combatia diversas religiões locais na Europa, faziam julgamentos e tortura, com isso ia aumentando o seu numero de fiéis.

As formas de culto dentro da igreja eram iguais a outras crenças mágicas como o uso de velas e flores em rituais, então o Catolicismo estava escondendo as informações de seus métodos e conhecimentos energéticos, diziam que a flor servia para decorar a igreja, mas na verdade essa forma de culto de flores era usando em outras religiões com outras explicações.

O conhecimento espiritual cristão passou a ser escondido, porém eles eram iguais a outras crenças.

No Egito antigo foram destruídas informações históricas que mostravam muitas similaridades entre o culto católico e egípcio.

O Catolicismo faz uso de insenço para fazer limpeza energética na igreja, isso para diversas crenças principalmente místicas se trata de magia verde.

O Catolicismo atuou ocultando informações sobre a forma de culto suas que eram iguais a outras crenças.

Usar flores no ritual religioso diversas religiões fazem.

Não havendo mais semelhanças entre o Catolicismo e outras crenças, isso fazia ser vista como única religião verdadeira, não havendo similaridades com outros espiritualismos.

Essa forma de manipulação não significa que os Padres e servidores da igreja atuam negativamente, mas não é nada disso, o catolicismo traz também o autoconhecimento, a espiritualidade, pois são muitas cabeças que formaram a religião, tanto bem intencionadas como mal.

Então sim, diversos sacerdotes são pessoas boas e a religião faz o bem.

Outra forma de mascaramento é referente ao uso de Mandalas na igreja, os vitrais são mandalas, mas isso não é explicado, porém o Psicólogo Jung criador da Psicologia Analítica afirma que são isso mesmo.

Jung em sua Psicologia estudou muito mandalas e fez descobertas psicológicas muito interessantes para ela, veja nosso texto: Jung e o Espiritualismo.

Os católicos se absterão das explicações de seus métodos e crenças, assim faltou muitos conhecimentos interessantes que fariam bem tanto a quem os estudasse como a religião, pois ela teria materiais interessantes para estudo, assim como ocorre com o espiritismo e as crenças místicas, que vendem muitos livros nas livrarias passando conhecimentos atrativos que as pessoas buscam saber.

Além de tudo isso ler sobre o espiritual é uma das muitas formas que existem para o autoconhecimento.

Toda religião que não ajuda as pessoas ao autoconhecimento o plano espiritual superior trata de acabar com elas, pois estamos aqui para isso. Então apesar da crença ter cometido barbaridades na história ela ainda ajuda os seres humanos, então são dois lados que muitas religiões tem.

Todas as crenças tem defeitos e qualidades, assim como ilusões e conhecimento de verdades.

Voltando a falar de flores, como muitas religiões a usam como forma de culto que traz benefícios, isso é usado na crença apostólica romana, é muito evidente que essa é uma prática espiritual.