O que é Mediunidade

Por: Ryath

(Texto inspirado e intuído pelos Mestres da Luz)

Mediunidade é a faculdade de se comunicar com o Plano Espiritual, que é invisível a grande parte das pessoas, onde só os clarividentes podem vê-las.

Existem muitos tipos de mediunidade, e os mais comuns são os de inspiração e incorporação.  

A mediunidade é tão antiga, mas tão antiga, que ninguém sabe como ela começou em nosso planeta, mas em outras eras de nosso planeta como Lemuria ou Atlântida ela já existia.

Na época de Atlântida sabemos que todos tinham clarividência, então viam o espiritual, inclusive nos rituais dos templos, o que impossibilitava o ceticismo e ateísmo na época.

Na época de Atlântida as pessoas tinham a kundalini desperta, que é responsável pelos dons paranormais.

Para desenvolver os dons paranormais, que incluem a mediunidade, pode ser conseguida através da pratica do Tantra ou da Yoga.

Mas a mediunidade que estamos acostumados aqui no Ocidente já nasce com quem possui esse dom, o dom da comunicação com o espiritual.

A própria clarividência continua tira algumas liberdades das pessoas, por verem coisas espirituais horríveis nos locais em que estão, como no trabalho, fazendo lazer e as vezes até em casa mesmo, e clarividentes não podem dirigir carros porque não sabem distinguir o que é espiritual do que não é, então quando estão pilotando podem ter espíritos andando no meio da rua e ele não sabe se é um encarnado ou um desencarnado.

Claro que tem o lado bom também, mas melhor do que a clarividência continua, é a mediúnica, em que os espíritos abrem essa capacidade por algum tempo no médium para enxergar certas coisas que vão ser úteis para atuação mediúnica, como enxergar o câncer na energia de alguém para recomendá-la fazer uma cura espiritual, ou mostrar para o médium que tem o dom da escrita, escrever o que viu, ou abordar em sua obra como é a realidade espiritual.

Antigamente o Catolicismo com a Inquisição exterminou os médiuns, que eram vistos como bruxos, eram queimados na fogueira, e com o crescimento do Cristianismo pelo mundo, a mediunidade não foi muito bem vista pelas pessoas, o preconceito foi forte e existiu, apesar de que agora esse preconceito está diminuindo, e já está se tornando comum a comunicação com o Plano Espiritual.

Eu gosto muito de uma definição que um Mestre da Luz dá, que é assim: Mediunidade é a mesma coisa do que autoconhecimento. Tanto para o espírito que faz a comunicação com seu médium, assim como o médium, os dois evoluem espiritualmente nesse processo, então é algo muito bom.

Se pensarmos na antiguidade, os médiuns eram os profetas, oráculos, pitonistas e etc. eram eles que faziam a comunicação entre os planos espirituais e o físico.

Hoje a TV e a internet dão muitas informações sobre o que ocorre no mundo, mas antigamente não tinha esse recurso, então as pessoas recorriam aos oráculos, reis os consultavam para saber se seriam atacados por outros povos ou não.

Nas religiões evangélicas existem os que incorporam profetas antigos fazendo previsões, profecias e falando em línguas antigas, eles dizem que é o Espírito Santo que está se comunicando, mas na verdade são espíritos já falecidos.

O Espírito Santo não incorpora, ele é a energia divina que existe em tudo, inclusive na gente, ele ajuda a criarmos um elo com o falecido para praticarmos a mediunidade, mas em si ele não quem faz a comunicação.

As religiões mediúnicas, que utilizam esse dom conscientemente o fazem de forma ordenada.

Textos para se Iluminar - Mandalas Metafísica - Budismo Esotérico - Ciência, Religião, Provas e Evidencias - Todas as Religiões são Verdadeiras - Taoísmo - Yoga - Espiritualismo na Filosofia - Astrologia - Numerologia - Runas - Tarô - I-Ching - Xamanismo - Cristianismo Místico - Meditação - Orações - Feng Shui

Uma Sugestão para Evoluir Espiritualmente, Meditação com Mandalas, Exercicio do perdão e Pratica Espiritual Fácil e Cômoda com Pedras para Autoconhecimento