OS SETE CORPOS

Por: Ricardo Chioro

(Parte deste texto é canalizada dos Mestres Ascensos)

Pode parecer estranho, mas temos sete corpos, também chamados de veículos.

Deus criou 64 forças poderosas divinas, elas foram densificando suas energias e criando tudo o que existe.

Densificar é tornar denso.

Do mundo Divino foram densificando as energias e formando o Plano Búdico, continuou densificando e gerando o Plano Mental, foi densificando mais ainda e criando outras realidades, primeiro as mais sutis, depois delas foram se formando as mais densas.

Cada um desses mundos vive um dentro do outro, um bom exemplo que podemos dar é o mundo dos espíritos, sabemos de suas existências, mas não vemos, eles podem estar do nosso lado e não enxergamos, isso porque o plano de existência deles vive dentro do nosso.

Não notamos um espirito do nosso lado porque apesar de estarem perto, o plano de existência deles é diferente do nosso.

Isso acontece porque dentro de um mesmo espaço existem planos diferentes, no mesmo lugar do físico existe o espiritual.

Para cada mundo temos um corpo, todos os veículos estão junto conosco agora (apesar de não termos ciência).

Em um mesmo espaço físico existe um espaço de outros mundos (que não podemos notar), assim nossos sete corpos ficam juntos, mas em planos diferentes. Talvez fique difícil de entender o que escrevemos, mas podemos exemplificar da seguinte maneira:

Sabemos que os lugares ruins espirituais ficam em baixo da terra, e os superiores em cima, nesses lugares existem varias coisas como casas, objetos, rochas, formas e etc.

Se você pegar uma escavadeira e furar o chão numa profundidade gigantesca e ficar nessa profundidade supondo que lá existe um local do plano espiritual ruim, não vai ver ele, só a terra furada, tu ficará sem saber que tem todo um ambiente onde está, mas sua alma estará naquele lugar porque ele está junto do material, você não vai notar porque sua consciência abrange somente o que é físico, mas o espiritual está junto do material, e no mesmo espaço existem essas dois mundos, também outros que não falamos.

A mesma coisa se pegar um avião e sem saber atravessar uma cidade espiritual boa, você não vai ver, mas sua alma que está junto do físico que vive no mesmo plano da cidade espiritual vai passar por ele, assim os veículos podem viver juntos nos diversos mundos que existem em um mesmo espaço.

Quando morrermos vamos deixar nosso corpo físico e viver com nosso corpo espiritual (astral).

Porém existem outras realidades além da dos mortos, existem outros lugares.

Deus e as forças criaram cada veiculo para evoluirmos, a medida que passamos por um grande progresso vamos abandonado corpos mais densos e indo para realidades mais elevadas.

 

1-Corpo físico

É o corpo que vivemos no mundo físico, do qual estudamos nas ciências.

 

2-Corpo Éterico

É o corpo bioeletromagnético que penetra em cada átomo do corpo físico e faz vibrá-lo intensamente.

Este corpo juntamente com o corpo físico trabalha nos processos químicos, biológicos e físicos.

O corpo físico não trabalha sozinho, mas necessita desta estrutura energética.

 

3-Corpo Astral

É o corpo que usamos quando morremos.

Este vive no mundo Astral.

Também quando dormimos este corpo sai do corpo físico e vai a diversos lugares, e fica preso ao corpo físico pelo cordão de prata, que se estica a distancias enormes, até a outros planetas se precisar.

Quando o cordão de prata se rompe é porque morremos.

Existem práticas de meditação, e outras, que fazem a pessoa sair consciente do corpo físico e se lembrar do que fez e o que viu no mundo astral.

Dentro do corpo físico, o astral tem a forma de um ovo luminoso, fora dele tem mesma forma do corpo físico.

 

4-Corpo Mental

É corpo que vive no mundo mental.

Segundo a Teosofia neste mundo os pensamentos tomam forma.

Quando as pessoas dormem no mundo astral vão para o mundo mental, com seu corpo mental.

As pessoas podem pensar que é um corpo só de pensamentos, mas não, ele também tem braços, membros, sentidos sensoriais, olhos, ouvidos e etc. quando os seres estão neste mundo.

Na evolução as pessoas no mundo físico ficam reencarnando para viver no físico, e vivendo no astral depois da morte.

Quando se tornam iluminados, não precisam mais reencarnar, e vivem no mundo astral, podem até encarnar para ajudar as pessoas do mundo físico, mas seus egos não tem mais necessidade de viver no mundo físico, e o melhor lugar para elas é o astral.

Evoluindo mais ainda, esses iluminados vão viver no mundo mental, com seus corpos mentais.

Como os pensamentos tomam forma, essas pessoas são muito boas, positivas, os pensamentos tomam formas lindas, deve ser muito bonito de se ver.

 

5-Corpo da Vontade

É o corpo da vontade das pessoas.

Existem pessoas que tem desejos positivos, outras, negativos.

 

6-Corpo Búdico ou da Consciência

É um corpo radiante que no mundo búdico terá braços, pernas, vontades, órgãos sensoriais e etc.

Um dia no processo de evolução as pessoas irão viver no mundo búdico.

A pessoa pode pensar que quando viver no mundo búdico não irá pensar, pois o mundo mental já foi, nem ter vontade porque o corpo das vontades é anterior, só que não, vai pensar e ter vontade.

O corpo búdico tem uma contraparte mental e da vontade, por isso tem pensamentos e desejos.

Além de pensar o ser também terá vontade, como vontade de fazer o bem, ajudar e etc.

 

7-Corpo Átmico ou Intimo ou Divino

É quem somos de verdade, é o que tem vida em nós.

É a nossa vida, nossos dons e virtudes.

Dons são: conhecimento, amor, ação, justiça, evolução, geração, fé, vontade e etc.

Virtudes, elas vem dos dons: bondade, honestidade, caridade, compaixão, equilíbrio e muitos outros.

Este corpo também tem pensamentos, vontade, membros e percepções no mundo Átmico, e se apresentará com todas essas características nesse mundo, enquanto a consciência viver nos outros como no astral que apresenta a forma de um ovo luminoso, não sei qual é a aparência deste corpo.

O que nós somos de verdade também tem contrapartes de vontade, consciência e mental.

 Veja também: Evolução Espiritual do Início da Fase Humana até Muito Depois do Nirvana